Trem turístico que vai ligar Minas e Rio de Janeiro

Por Sérgio Moreira


Enviado em 09 de julho de 2018 às 22:55:35


 

Roteiro interestadual percorrerá oito cidades mineiras e fluminenses e terá capacidade de 850 passageiros

trem

Trem que fará a viagem

A partir do segundo semestre deste ano, o trem turístico que liga Minas Gerais ao Rio de Janeiro vai começar a funcionar. As locomotivas já foram recuperadas e nove vagões estão sendo preparados para transportar os turistas pelos 160 km que ligam Cataguases (MG), e Três Rios (RJ). Outras seis cidades serão contempladas com o passeio interestadual: Leopoldina, Recreio, Volta Grande, Além Paraíba e Chiador, em Minas; e Sapucaia, no Rio de Janeiro. Os passeios serão realizados aos sábados, domingos e feriados e deverão dinamizar a atividade turística nos municípios.

Os turistas que já visitam a região em busca de atrativos naturais e históricos poderão apreciar as belas paisagens, além de realizarem viagens temáticas e atividades culturais ao logo das estações. O projeto Trem turístico Rio-Minas é coordenado pela Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) Amigos do Trem e conta com o apoio das prefeituras e iniciativa privada da região, além da concessionária da ferrovia Centro Atlântica e órgãos do governo federal ligados ao transporte ferroviário.

Paulo Henrique Nascimento, que está à frente do projeto, considera o trem Rio-Minas inovador para a atividade turística. “A previsão é que essa iniciativa contribua com a geração de cerca de 500 empregos diretos e indiretos, além de manter preservado o patrimônio histórico”, comenta.

Os trens poderão transportar até 850 passageiros, por dia de funcionamento, nos dois sentidos da ferrovia. As composições partirão simultaneamente de Cataguases (MG) e Três Rios (RJ). Os turistas poderão fazer o trajeto completo de ida e volta ou retornar para a origem trocando de trem na metade do caminho.

 Brasil possui, atualmente, mais de 30 trens turísticos em operação e o Ministério do Turismo apoia iniciativas que valorizam o transporte turístico através do resgate das ferrovias e da história do transporte ferroviário brasileiro. No dia 26 de fevereiro, uma reunião em Brasília marcou a retomada de discussões do Grupo de Trabalho de Turismo Ferroviário coordenado, desde 2010, pela Pasta.

Cabe ao grupo a elaboração de políticas de fomento ao setor. A pauta do encontro abordou pontos como a necessidade de avanços normativos e legais na área para superar obstáculos ao adequado desenvolvimento do ramo no Brasil. A próxima reunião do colegiado deve ocorrer em abril. Além do MTur, fazem parte do GT de Turismo Ferroviário representantes do Ministério dos Transportes, do DNIT, da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), do Ministério do Meio Ambiente, do Brasil Convention & Visitors Bureau e empresários do setor, entre outros.

 

29ª FEIRA NACIONAL DE ARTESANATO – Mestres da Arte e do Artesanato

arte

 

Homenageando trinta e sete artesãos e artistas brasileiros, a 29ª Feira Nacional de Artesanato que acontecerá no Expominas em Belo Horizonte, de 04 a 09 de dezembro de 2018, já está pronta para entrar no calendário oficial de grandes eventos que acontecem no Brasil.

A apresentação dos Mestres da Arte e do Artesanato, indicados de maneira democrática pelas Coordenações Estaduais do Programa de Artesanato Brasileiro, sob a coordenação do PAB Nacional e Secretaria Estadual de Cultura do Estado de Minas Gerais, será uma oportunidade ímpar de mostrar a grandiosidade e diversidade do mestre artesão brasileiro em um só lugar.

O Brasil não conhece o Brasil. Muitos mestres que serão indicados, possivelmente já são de conhecimento do povo brasileiro, mas este nunca teve ou terá a oportunidade de ver num só local as obras de artistas de todos os estados brasileiros.

Junto a estes mestres estarão também mais de 5.000 artesãos brasileiros, com a sua diversidade cultural para atender todos os gostos.

Engaje-se e faça parte deste evento que é considerado o maior do gênero da América Latina!

Durante o ano, apresentaremos as novidades dos mestres indicados, das oficinas, shows, workshop, para você se programar para o maior evento em representatividade do Brasil. contato@feiranacionaldeartesanato.com.b

 

 

ABAV-MG reúne com embaixada do Nepal

No início deste mês ,o presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens de Minas Gerais (ABAV-MG), Alexandre Brandão e a vice-presidente de Marketing e Eventos, Athenais Vilhena, reuniram com o embaixador do Nepal, Tara P. Pokharel, para alinhar interesses relacionados ao turismo. A reunião foi solicitada pelo embaixador com o objetivo de divulgar o Nepal para Minas Gerais, visando não somente o turismo, mas a cultura do país como um todo. E mostrar ainda, as reformas da nova constituição estabelecida em 2015, que aboliu a monarquia e transformou o país em uma república federal e secular.Essa nova constituição, valoriza principalmente as mulheres, determinando que o país eleja 1/3 das mulheres na Câmara dos Deputados e 1/4 nas cidades menores.Apesar de pequeno, o Nepal possui quatro pilares fundamentais para o turismo, sendo eles, o ecoturismo, turismo de aventura, artesanato e é claro, os monumentos. Além disso, tem uma área comercial forte, por estar do lado, por exemplo, da China.O embaixador, ficou muito feliz no interesse demostrado pela ABAV-MG em celebrar o acordo para divulgar o turismo do país no estado. Foi conveniado que será feito um grande evento através da Embaixada do Nepal em Minas Gerais para os agentes de viagens e a mídia em geral. Breve, a ABAV-MG divulgará mais informações sobre essa parceria para divulgar o turismo em ambas as partes.

 

Vesperata de Diamantina

vesperata

 

Um dos eventos mais tradicionais e autênticos de Minas Gerais, a Vesperata tem sua origem nas práticas musicais tradicionais de Diamantina do século XIX, quando no período das vésperas (que são a parte da Liturgia das Horas, que é celebrada à tarde, entre 15 e 18 horas) músicos se apresentavam nas sacadas dos casarões para tocar para as pessoas que passeavam nas ruas.

Reconhecida como um importante evento do turismo e da cultura do Brasil, a Vesperata foi premiada em 2010 pelo Ministério do Turismo com o Troféu Roteiros do Brasil, por promover a Sustentabilidade Cultural no Município.

É que os músicos se posicionam nas janelas e tocam para o público da Rua da Quitanda, que fica lotada de mesas ao redor dos maestros regentes. Cada show reúne mais de mil pessoas. Nada se compara à sensação de assistir à apresentação degustando um bom vinho, ou, se preferir, a famosa cachaça do Norte de Minas.

A programação da Vesperata de Diamantina já foi divulgada e acontece entre abril e outubro de 2018.

Confira a programação completa: 28 de julho,04, 18 e 25 de agosto,15 e 29 de setembro e13 e 20 de outubro. Consulte seu agente de viagem para os pacotes com o translado, hotel e toda programação.

 

Jornalista Sérgio Moreira  informações para sergio51moreira@bol.com.br


As informações e opiniões expressas neste portal são de responsabilidade única do autor.
Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

General no STF

Enviado em: 17 de setembro de 2018

Colunas

Ficou na promessa

Enviado em: 15 de setembro de 2018

Colunas

Incêndio no Museu Nacional

Enviado em: 15 de setembro de 2018

Colunas

Honorários do povo

Enviado em: 14 de setembro de 2018

Colunas

INSS vai leiloar 3 mil imóveis

Enviado em: 13 de setembro de 2018

Colunas

PSDB turbinou Richa

Enviado em: 12 de setembro de 2018

Colunas

Ofensiva petista

Enviado em: 10 de setembro de 2018

Colunas

Publicidade