Delegado do caso Marielle foi surpreendido ao ser afastado do caso


Enviado em 14 de março de 2019 às 10:13:09



 

O delegado Giniton Lages, responsável pelo pelo inquérito do crime mais complexo que a Polícia Civil do Rio já enfrentou - o assassinato da vereadora Marielle Franco e Anderson Gomes - soube que iria deixar o caso pela imprensa; nos bastidores, o comentário é de que o motivo de seu afastamento foram as divergências entre ele e o atual diretor do Departamento Geral de Homicídios e Proteção à Pessoa (DGHPP), Antônio Ricardo Lima Nunes, nomeado por Wilson Witzel; Giniton foi surpreendido pela notícia de seu afastamento, cujos detalhes soube pela coluna do jornalista Lauro Jardim

 


Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

Arquipélago de Alcatrazes: Mistério Revelado

Enviado em: 24 de março de 2019

Brasil

Vereador é morto a tiros no Rio de Janeiro

Enviado em: 24 de março de 2019

Brasil

Anatel inicia bloqueio de celulares irregulares

Enviado em: 24 de março de 2019

Brasil

Salvador vai comemorar 470 anos com Festival da Cidade

Enviado em: 23 de março de 2019

Brasil

Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação

Enviado em: 23 de março de 2019

Brasil

Pesquisa

Publicidade