Minas1
qua, 22 de mai de 2019
Horário: 04:39 Hs
Dolar: R$
Euro: R$

Caso acerte com Ceni, Atlético repetirá escolha feita em 2007, quando Zetti substituiu Levir

16/04/2019 17h30 - Atualizado em 16/04/2019 17h45 por Henrique André/ Hoje em Dia


ceni.jpg São Paulo/Divulgação /

 

Após receber oficialmente o  "não" de Tiago Nunes, técnico do Athlético-PR, e de ter feito sondagem pelo argentino Jorge Sampaoli - como informou o UOL -,  a diretoria do Atlético tem um alvo que, na temporada passada, rejeitou a proposta para treinar o alvinegro; na época, com Thiago Larghi no comando, ainda como interino.

Conforme anunciou a Rádio Itatiaia, a mira do diretor de futebol Rui Costa agora se volta para Rogério Ceni, técnico do Fortaleza. Contudo, a informação é que o ex-goleiro do São Paulo não ouvirá ofertas antes da conclusão do Campeonato Cearense.

Caso haja mesmo uma investida atleticana e a batida do martelo, o Atlético viverá momento semelhante ao que passou em 2007, quando apostou em Zetti para ser o substituto, justamente, de Levir Culpi.

Antigo dono da Camisa 1 do São Paulo e antecessor de Rogério na função, ele foi demitido pouco tempo depois, após levar uma goleada por 4 a 0 contra o Vasco. Sob o comando de Zetti, o Atlético fez apenas 13 pontos em 33 possíveis, com três vitórias, quatro empates e quatro derrotas; ele assumiu o cargo na terceira rodada do Brasileirão. Cabe lembrar que, além de ex-arqueiros, ambos trazem no currículo o título de campeão mundial de clubes, como atletas.

Procura em 2018

Na parada para a Copa do Mundo da Rússia, no meio de 2018, Ceni foi procurado pela diretoria do clube mineiro, na época sob comando de Alexandre Gallo, mas não quis trocar o Tricolor. Naquele momento, com proposta na mesa, o treinador devolveu a confiança dada pela diretoria do atual clube e manteve a palavra de dar sequência ao trabalho.

Uma fonte ligada ao clube cearense revelou ao Hoje em Dia que, ao saber da proposta feita pelo Atlético ao técnico, a diretoria do Fortaleza de imediato conversou com Rogério; o assunto? A promessa cumprida de dar tempo ao "dono da pracheta" para colocar a equipe no trilho rumo à Série A do Campeonato Brasileiro seria cumprida; com isso, o que se esperava era que ele dissesse não ao Galo e a qualquer outro interessado.

Desta vez, há poucos dias de iniciar a competição mais importante do país, o atual campeão da Série B terá que novamente tentar segurar seu comandante. Assim como fez com Nunes, Rui Costa deve investir pesado para tirar o responsável pelo sucesso dos nordestinos.

** Com Hugo Lobão

 

ceni zetti