Mandantes no primeiro jogo levam ligeira vantagem em número de títulos na Copa do Brasil

Por Rafael Arruda /Superesportes


Enviado em 10 de outubro de 2018 às 21:08:04


Barcos marcou os dois gols contra o Palmeiras (vitória por 1 a 0, em SP, e empate por 1 a 1, em BH)

 

Time celeste fará a primeira partida da final em casa, nesta quarta, às 21h45

 

 
O sorteio realizado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no último dia 27 de setembro pode até ter desagradado os torcedores do Cruzeiro, que desejavam o segundo jogo da final contra o Corinthians no Mineirão. Contudo, disputar a partida de volta na Arena Corinthians, em São Paulo, pode não ser tão ruim assim. De um total de 29 edições da competição, o mandante no embate de ida conquistou o título 15 vezes (59,2%). Um bom presságio para o compromisso desta quarta-feira, às 21h45, no Gigante da Pampulha, onde a Raposa inicia a batalha pelo hexacampeonato e vislumbra premiação milionária de R$ 61,9 milhões (R$ 50 milhões pelo triunfo na decisão).
 
O próprio Cruzeiro tem a experiência de ter ganhado longe de Belo Horizonte um troféu da Copa do Brasil. Foi diante do Palmeiras, em 1996. No primeiro jogo, as equipes empataram por 1 a 1, no Mineirão. No segundo, o time mineiro surpreendeu o favoritismo dos paulistas e venceu de virada no Palestra Itália, em São Paulo, por 2 a 1. Os gols celestes foram anotados por Roberto Gaúcho e Marcelo Ramos, hoje treinador e assistente do Valeriodoce, de Itabira, clube da Segunda Divisão do Campeonato Mineiro. O título é considerado um dos mais importantes em 97 anos na história cruzeirense, sobretudo pelo fato de o Verdão contar à época com uma legião de craques, como os selecionávies Rivaldo, Luizão, Muller, Djalminha e Cafu.
 
Houve mais episódios marcantes de times que asseguraram a Copa do Brasil tendo disputado o duelo de ida na condição de mandante. Em 2001, o Grêmio chegou a estar perdendo para o Corinthians por 2 a 0, no Olímpico, porém buscou o empate por 2 a 2. No jogo de volta, o Tricolor gaúcho calou mais de 80 mil torcedores no Morumbi e ganhou por 3 a 1. Em 2004, foi a vez do modesto Santo André silenciar um estádio repleto de torcedores adversários. Depois de empate por 2 a 2 no ABC Paulista, o ‘Ramalhão’ ganhou do Flamengo por 2 a 0, no Maracanã, e frustrou quase 72 mil rubro-negros.
 
Em 1995 e 2014, Corinthians e Atlético superaram Grêmio e Cruzeiro, respectivamente, tanto o primeiro quanto o segundo jogo. O mesmo aconteceu com o Flamengo diante do Vasco, em 2006. Essa decisão, contudo, ocorreu em campo neutro, com os dois encontros sendo disputados no Maracanã.

2018
 
Na Copa do Brasil de 2018, o Cruzeiro conquistou as três classificações fazendo o jogo de volta no Mineirão. Curiosamente, o time celeste não venceu um duelo sequer em casa: empatou com Atlético-PR (1 a 1, pelas oitavas de final) e Palmeiras (1 a 1, pela semifinal) e perdeu para o Santos (2 a 1, pelas quartas de final, com vitória nos pênaltis por 4 a 3). Longe de BH, o aproveitamento é de 100%: vitórias sobre Atlético-PR (2 a 1), Santos (1 a 0) e Palmeiras (1 a 0).
 
Curiosidades sobre a decisão da Copa do Brasil
 
- Quem fez o primeiro jogo em casa se sagrou campeão em 15 das 29 edições da Copa do Brasil (51,7%). Em 13 ocasiões, o visitante na partida de ida levantou o troféu. Na final de 2006, entre Vasco e Flamengo, os duelos aconteceram em campo neutro (Maracanã);
 
- Para serem campeões, os mandantes do primeiro jogo jamais saíram derrotados. Em 15 decisões que terminaram com títulos, eles conquistaram 10 vitórias e cinco empates na ida;
 
- Por apenas quatro vezes, o clube vencedor do duelo de ida levou a virada na volta e deixou o título escapar. Em contrapartida, foram 12 conquistas dos vitoriosos no primeiro jogo.
 
Abaixo, todas as finais da Copa do Brasil:
 
1989 - Grêmio
 
Sport 0x0 Grêmio
Grêmio 2x1 Sport
 
1990 - Flamengo*
 
Flamengo 1x0 Goiás
Goiás 0x0 Flamengo
 
1991 - Criciúma
 
Grêmio 1x1 Criciúma
Criciúma 0x0 Grêmio
 
1992 - Internacional
 
Fluminense 2x1 Internacional
Internacional 1x0 Fluminense
 
Continua depois da publicidade
1993 - Cruzeiro
 
Grêmio 0x0 Cruzeiro
Cruzeiro 2x1 Grêmio
 
1994 - Grêmio
 
Ceará 0x0 Grêmio
Grêmio 1x0 Ceará
 
1995 - Corinthians*
 
Corinthians 2x1 Grêmio
Grêmio 0x1 Corinthians
 
1996 - Cruzeiro*
 
Cruzeiro 1x1 Palmeiras
Palmeiras 1x2 Cruzeiro
 
1997 - Grêmio*
 
Grêmio 0x0 Flamengo
Flamengo 2x2 Grêmio
 
1998 - Palmeiras
 
Cruzeiro 1x0 Palmeiras
Palmeiras 2x0 Cruzeiro
 
1999 - Juventude*
 
Juventude 2x1 Botafogo
Botafogo 0x0 Juventude
 
2000 - Cruzeiro
 
São Paulo 0x0 Cruzeiro
Cruzeiro 2x1 São Paulo
 
2001 - Grêmio*
 
Grêmio 2x2 Corinthians
Corinthians 1x3 Grêmio
 
2002 - Corinthians*
 
Corinthians 2x1 Brasiliense
Brasiliense 1x1 Corinthians
 
2003 - Cruzeiro
 
Flamengo 1x1 Cruzeiro
Cruzeiro 3x1 Flamengo
 
2004 - Santo André*
 
Santo André 2x2 Flamengo
Flamengo 0x2 Santo André
 
2005 - Paulista*
 
Paulista 2x0 Fluminense
Fluminense 0x0 Paulista
 
2006 - Flamengo**
 
Flamengo 2x0 Vasco
Vasco 0x1 Flamengo
 
2007 - Fluminense*
 
Fluminense 1x1 Figueirense
Figueirense 0x1 Fluminense
 
2008 - Sport
 
Corinthians 3x1 Sport
Sport 2x0 Corinthians
 
2009 - Corinthians*
 
Corinthians 2x0 Internacional
Internacional 2x2 Corinthians
 
2010 - Santos*
 
Santos 2x0 Vitória
Vitória 2x1 Santos
 
2011 - Vasco*
 
Vasco 1x0 Coritiba
Coritiba 3x2 Vasco
 
2012 - Palmeiras*
 
Palmeiras 2x0 Coritiba
Coritiba 1x1 Palmeiras
 
2013 - Flamengo
 
Atlético-PR 1x1 Flamengo
Flamengo 2x0 Atlético-PR
 
2014 - Atlético*
 
Atlético 2x0 Cruzeiro
Continua depois da publicidade
Cruzeiro 0x1 Atlético
 
2015 - Palmeiras
 
Santos 1x0 Palmeiras
Palmeiras 2x1 Santos (4x3 nos pênaltis)
 
2016 - Grêmio
 
Atlético 1x3 Grêmio
Grêmio 1x1 Atlético
 
2017 - Cruzeiro
 
Flamengo 0x0 Cruzeiro
Cruzeiro 0x0 Flamengo (5x3 nos pênaltis)

* Campeões que jogaram a primeira partida em casa
** Final disputada em campo neutro

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

Minas pronto para estreia na Liga Sul-Americana de basquete

Enviado em: 15 de outubro de 2018

Esportes

Messias comemora marca de 100 jogos com a camisa do América

Enviado em: 15 de outubro de 2018

Esportes

Internacional vira sobre São Paulo no Beira-Rio

Enviado em: 14 de outubro de 2018

Esportes

Pesquisa

Publicidade