Após quatro meses de espera por atleticanos e cruzeirenses e mais de um ano pelos americanos, a bola volta a rolar neste fim de semana para os times mineiros na Série A do Brasileirão.

A Raposa estreia neste sábado, às 16h, contra o Grêmio. O América, por sua vez, vai a campo no domingo, às 11h, diante do Sport. Por fim, o Galo enfrenta o Vasco mais tarde, a partir das 16h.

Neste ano, a competição nacional tem como peculiaridade uma pausa durante a Copa da Rússia. Os clubes ganharão folga após a 12ª rodada, em 13 de junho (véspera da abertura do Mundial) e retomarão a disputa em 17 de julho, dois dias após a final em Moscou.

Dois seis clássicos mineiros a serem realizados nesta edição, dois acontecem antes da parada. Primeiro, Atlético e Cruzeiro medem forças pela sexta rodada, em 19 de maio, com mando alvinegro. Depois, o Galo visita o Coelho pela 10ª rodada, no dia 7 de junho.

OBJETIVOS

A equipe celeste busca a quarta taça na Era dos Pontos Corridos para se igualar ao Corinthians, principal vencedor neste formato da competição (desde 2003).

Para isso, conta com a base do elenco campeão Copa do Brasil de 2017 e reforços em quase todos os setores do campo. Além disso, aposta na experiência do técnico Mano Menezes, o segundo mais longevo dentre os clubes da Série A. 

Por outro lado, divide atenções com a Copa Libertadores e pode se ver obrigada a priorizar o torneio internacional em vários momentos.

Tabela do Cruzeiro até a 12ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2018

 

VAGA

O time alvinegro, por sua vez, sonha com o bicampeonato nacional após um jejum de 46 anos.

Com um grupo bastante modificado em relação ao ano passado, um desempenho irregular no início desta temporada e o técnico mais jovem da competição (o interino Thiago Larghi), as previsões para o Galo no Brasileirão ainda parecem arriscadas. 

Neste momento, a aposta mais otimista é na briga por uma vaga na próxima Libertadores.

Tabela do Atlético até a 12ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2018

 

PERMANÊNCIA

Já o alviverde volta à Série A para a terceira participação na Era dos Pontos Corridos focado na missão de permanecer na Primeira Divisão por uma segunda edição consecutiva, feito jamais alcançado na história.

O Coelho possui um elenco modesto, porém mais experiente após a conquista da última Série B e a chegada de reforços. 

Além disso, o time está “na mão” do técnico Enderson Moreira, o mais longevo dentre todos os 20 clubes desta edição, com uma semana a mais no cargo em relação a Mano Menezes.

Tabela do América até a 12ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2018