Ditadura é ferida que não cicatriza, diz ex-preso político


Enviado em 31 de março de 2018 às 20:54:06



 

No dia 31 de março, o Brasil revisita um capítulo sangrento de sua história: o golpe de Estado de 1964. Ele depôs o presidente João Goulart e inaugurou nossa mais recente ditadura civil-militar, deixando um saldo de censura, tortura e morte;  advogado e capitão reformado Carlos Roberto Pittoli; faz parte de um setor das Forças Armadas que foi preso e torturado pelos seus próprios companheiros de farda; "Não cicatriza. Você tem uma casca seca por cima, mas tem um pus debaixo dessa casca. Por que? O que é esse pus? É muita coisa que passa pelo atual Judiciário, é não julgar, não prender quem cometeu crime de lesa humanidade reconhecido pela ONU", diz


Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

Rapaz sufocado em supermercado é enterrado no Rio

Enviado em: 16 de fevereiro de 2019

Brasil

Passageiros elegem os melhores aeroportos do Brasil

Enviado em: 15 de fevereiro de 2019

Brasil

Surfista é mordido por tubarão em Fernando de Noronha

Enviado em: 15 de fevereiro de 2019

Brasil

Ao menos 305 km do Rio Paraopeba está contaminado, diz ONG

Enviado em: 14 de fevereiro de 2019

Brasil

Pesquisa

Publicidade