A Libertadores de 2018 pode ficar marcada como a Copa dos Clássicos. E isso será mais forte ainda caso o Atlético consiga a sua classificação para a principal competição de clubes do continente, o que depende de um título do Flamengo na decisão da Copa Sul-Americana. O Rubro-Negro faz a final com o Independiente, da Argentina, em 6 e 13 de dezembro, com a partida de ida sendo disputada em Avellaneda, e a volta no Maracanã.

A edição de 2018 da Copa Libertadores, dependendo da formatação da sua tabela e dos confrontos de mata-mata, pode contar com clássicos como Boca Juniors x River Plate (Argentina), Peñarol x Nacional (Uruguai), Olimpia x Cerro Porteño (Paraguai), Alianza x Universitário (Peru) e The Strongest x Bolívar (Bolívia).

No Brasil, já existe a possibilidade real de Corinthians e Palmeiras voltarem a se enfrentar no torneio, o que aconteceu em 1999 e 2000, assim como Flamengo e Vasco podem se cruzar na briga pela taça.

Os paulistas podem ver ainda um Corinthians x Santos ou Palmeiras x Santos.
O quinto clássico estadual brasileiro possível que a Libertadores de 2018 pode ter é justamente o Cruzeiro x Atlético.

E ele pode acontecer já na fase de grupos. O sorteio da tabela será no próximo dia 20, na sede da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), em Luque, no Paraguai, que fica na Região Metropolitana de Assunção.

O Atlético só pode ir à Libertadores entrando na segunda fase, isso, claro, se o Flamengo ganhar a Copa Sul-Americana.

Para chegar à fase de grupos, o Galo teria de eliminar dois adversários em confrontos de mata-mata que já iniciariam no final de janeiro.
Dependendo do sorteio, o chaveamento em que o Atlético cair pode definir o quarto integrante do grupo do Cruzeiro, caso o mesmo não esteja preenchido, pois só a metade deles será totalmente fechado no próximo dia 20.

Outras quatro chaves ficarão esperando os clubes classificados das fases preliminares.

AVELLANEDA
Se o Atlético não for à Libertadores do ano que vem, é porque o Flamengo perdeu a decisão da Sul-Americana para o Independiente, da Argentina.

Para a Copa dos Clássicos, isso não influenciará em nada. Pois o Racing, da Argentina, maior rival do Independiente, já está classificado para a Libertadores com o quarto lugar no Campeonato Argentino 2016-2017.

Definitivamente, uma das atrações da Libertadores de 2018 será a possibilidade do duelo de rivais históricos em suas fases. Se for na briga pelo título, então, ela entrará definitivamente para a história como a Copa dos Clássicos.

Os classificados para a Libertadores 2018