Marjorie Estiano e Nanda Costa estream filme "Entre Irmãs"

Por FolhaPress/ Notícias ao Minuto


Enviado em 11 de outubro de 2017 às 18:14:08


© Fotos: Anderson Borde

 

 

Duas irmãs que vivem no sertão pernambucano na década de 1930

Parece bobagem, mas são poucos os filmes com protagonistas femininas no cinema nacional. "Entre Irmãs" vai na contramão dessa onda e coloca duas das mais elogiadas atrizes da atualidade para trabalharem juntas. São elas: Marjorie Estiano e Nanda Costa, que interpretam Emília e Luzia, respectivamente. Duas irmãs que vivem no sertão pernambucano na década de 1930. Apesar de rivais, é inegável o apego entre as duas, ainda mais unidas desde que uma delas passou a ter uma deficiência no braço -Luzia caiu de uma árvore ainda criança.

Como cabia a todas as mulheres da época, a solução para uma vida melhor é o casamento. E é nesse ponto que as duas, costureiras e independentes à sua maneira, divergem. Enquanto uma vive uma rotina clássica, mas infeliz, a outra parte para uma aventura com um cangaceiro inspirado em Lampião e interpretado por Júlio Machado. Um dos méritos do roteiro de "Entre Irmãs" é mostrar que a condição feminina nada tem a ver com o ainda dito "sexo frágil".

Nanda e Marjorie se entregam em cenas de briga, nudez, sexo e tensão. Atuam de maneira contida e certeira.

O elenco tem ainda Letícia Colin e Rômulo Estrela, jovens apostas da Globo e que cumprem muito bem suas funções. Os personagens de ambos, aliás, provocam discussões muito atuais em termos de sexualidade. Os experientes Cyria Coentro e Fábio Lago também dão vigor.

O melodrama é de fato uma grande vocação de Breno Silveira, diretor de sucessos como "Dois Filhos de Francisco" e "Gonzaga: De Pai Para Filho". Em alguns momentos, no entanto, a emoção é colocada de tal maneira na tela que parece mais adequada às novelas da TV. O que está longe de ser um defeito, uma vez que pode ser um apelo para a bilheteria, num país em que os folhetins são a grande paixão nacional. Com informações da Folhapress. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

Turma da Mônica ganha versão em carne e osso

Enviado em: 01 de outubro de 2017

Cinema

Palhaço "derrota" Moro na disputa dos Oscar pelo Brasil

Enviado em: 15 de setembro de 2017

Cinema

Documentário inédito sobre Cuba é destaque em Veneza

Enviado em: 07 de setembro de 2017

Cinema

Pesquisa

Publicidade