Sport inicia o returno do Brasileiro contra a Ponte Preta


Enviado em 12 de agosto de 2017 às 19:08:18


Luxemburgo optou por não confirmar time que vai enfrentar a Ponte Preta, domingo, na Ilha do Retiro

 

Objetivo do Leão é repetir boa campanha do 1º turno na reta final da Série A

 
O Sport dá início ao returno do Brasileiro, neste domingo, às 16h, contra a Ponte Preta, na Ilha do Retiro, vivendo um momento completamente diferente de quando estreou na competição. Quando enfrentou o mesmo adversário na primeira rodada, as atenções estavam completamente voltadas para a final da Copa do Nordeste com o Bahia. A pressão era grande. O técnico Ney Franco não agradava à torcida e não conseguia tirar o melhor da equipe.

O decorrer da Série A foi de estabilização para o Sport. A partir da quarta rodada, teve o técnico Vanderlei Luxemburgo à frente. Ao fim do turno, a equipe parece ter encontrado o equilíbrio necessário. A presença no G6, apesar do tropeço com o Fluminense, em casa, e de uma derrota que estava “na conta” para o Corinthians, fora, mostra que o Leão está no caminho certo. Embora histórica - foi a melhor colocação do time em brasileiros após as 19 rodadas iniciais -, a campanha no primeiro turno teve tropeços que o treinador não quer que se repitam. Ele cita nominalmente as derrotas para o Vitória, em casa, e Avaí, fora.

Projeções indicam que, para conquistar a vaga na Libertadores, é possível que o Sport tenha que fazer uma campanha ainda melhor no segundo turno. Hoje, a conta é de que, com 63 pontos, um time tem 99% de chances de estar na competição. É uma marca alta e é provável que o G6 venha com uma pontuação menor. Também é possível que a sétima colocação classifique, se algum dos times presentes no grupo seja campeão do torneio continental esse ano.

Projeções

Vanderlei Luxemburgo é arredio com as projeções. Ele acredita que, ao Sport, basta repetir a campanha do primeiro turno para brigar pela vaga na Libertadores. Mas não nega que espera uma melhora na segunda metade do Brasileiro. “Se eu terminei entre os seis com a pontuação que temos, repetir os 28 me dá a condição de brigar pelo quinto ou sexto lugar, ou até uma sétima vaga, dependendo do que vai acontecer. Mas eu acho que temos que melhorar. O que fizemos foi muito bom, mas deixamos pontos que não poderíamos. Vitória e Avaí são equipes que estão brigando contra o rebaixamento”, analisou o treinador.

Time

Precavido com a Ponte Preta, Luxemburgo evitou dar qualquer detalhe sobre o time. Não confirmou sequer as substituições que são naturais, como a entrada de Raul Prata na vaga de Samuel Xavier, suspenso, e o retorno de Mena à lateral esquerda no lugar de Sander. No ataque, a disputa está entre Osvaldo e Lenis. Não houve comentário também sobre o rodízio que é feito na zaga. No último jogo, Ronaldo Alves ficou no banco de reservas, com Henríquez e Durval titulares. “Já defini a equipe, mas não vou dar essa chance à Ponte”, disse o treinador, que fechou as movimentações da quinta e da sexta-feira.

Adversário

A Ponte Preta enfrenta o Sport tendo que lidar com desfalques importantes. O zagueiro Marllon está suspenso e o atacante Emerson Sheik será poupado por conta do cansaço físico. O mesmo problema também ameaça o artilheiro da equipe (e vice do campeonato, com dez gols), Lucca. Ele não participou dos treinos da quinta e da sexta-feira para se recuperar para o jogo deste domingo. A presença dele é dada como dúvida, mas o atacante deve estar em campo.

Ficha do jogo

Sport
Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Henríquez (Durval) e Mena; Rithely, Patrick, Everton Felipe; Diego Souza, André e Lenis (Osvaldo). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Ponte Preta
Aranha, Jeferson, Rodrigo, Luan Peres e Danilo; Naldo, Jádson, Jean Patrick e Léo Artur; Maranhão e Lucca. Técnico: Gilson Kleina

Local: Ilha do Retiro
Horário: 16h
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden - RS (CBF)
Assistentes: Jose Eduardo Calza - RS (CBF) e Mauricio Coelho Silva Penna - RS (CBF)
Ingressos:
Sociais: R$ 20
Arquibancada frontal R$ 20 (sócio), R$ 60 (não-sócio inteira) e R$ 30 (não-sócio meia)
Arquibancada sede R$ 15 (sócio), R$ 40 (não-sócio inteira) e R$ 20 (não-sócio meia)
Visitante: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

Pesquisa

Publicidade