Servidores voltam aos cargos e programação cultural começa a normalizar

Por Mariana Peixoto / www.uai.com.br/


Enviado em 11 de janeiro de 2019 às 12:14:23


Cine Humberto Mauro abre em 2019 com mostra Musicais de ouro (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.APress)

 

Cine Humberto Mauro reabre hoje, mas Biblioteca Pública Minas Gerais ainda só recebe devoluções de livros. Museu Mineiro permanece fechado

 
Alguns servidores comissionados da área cultural exonerados em 1º de janeiro foram reconduzidos aos cargos nesta semana. Ato assinado pelo governador Romeu Zema (Novo) e publicado na edição desta sexta-feira (11) no Minas Gerais reconduziu ao cargo 35 funcionários da Fundação Clóvis Salgado, 18 do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha), 36 da Rede Minas e quatro na Secretaria de Estado de Cultura.
 
A programação de algumas instituições está voltando à normalidade. A mostra Musicais de ouro, programada para o Cine Humberto Mauro, do Palácio das Artes, terá início nesta sexta e será realizada em sua totalidade. Serão exibidos, até 11 de fevereiro, 39 longas-metragens musicais.
 
No entanto, a Biblioteca Pública Estadual Minas Gerais funciona normalmente apenas na área infantojuvenil. No setor de livros para adultos, por ora não há empréstimo, somente devoluções. O Museu Mineiro permanece fechado, mesmo com a recondução ao cargo da superintendente de Museus e Artes Visuais, Andréa de Magalhães Matos.
Cargos-chave do setor cultural do estado ainda não foram preenchidos, como a presidência da Fundação Clóvis Salgado, responsável pelo Palácio das Artes. A assessoria do vice-governador Paulo Brant, que responde provisoriamente pela pasta da Cultura, afirmou que o assunto “está sendo discutido”. Amanhã (12), é o último dia para recondução ao cargo dos comissionados exonerados no início deste ano.

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

Pesquisa

Publicidade