Toffoli esperou Pimentel do PT deixar o governo para liberar R$ 443 mi para Minas


Enviado em 08 de janeiro de 2019 às 13:03:09



 

Em mais uma demonstração de que julga politicamente, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, deu ao novo governador de Minas Gerais, Romeu Zema, uma vitória política e jurídica, suspendendo o bloqueio de R$ 443,3 milhões das contas do estado com a União; bastou o PT sair do governo para o STF dar ganho de causa a Minas; generoso com o novo governante da direita mineira, Toffoli determinou também que o governo federal não inscreva Minas Gerais nos cadastros de inadimplência da administração federal 

 


Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Minas1. A responsabilidade é do autor da mensagem.
Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Histórico

Seis dos dez presos na Operação Fantoche já estão soltos

Enviado em: 20 de fevereiro de 2019

Justiça

STF retoma hoje julgamento sobre criminalização da homofobia

Enviado em: 20 de fevereiro de 2019

Justiça

Justiça manda soltar presidente da CNI, preso na Lava Jato

Enviado em: 19 de fevereiro de 2019

Justiça

Supremo deve julgar hoje ação para criminalizar homofobia

Enviado em: 13 de fevereiro de 2019

Justiça

Pacote de Moro viola a constituição, afirma defensor

Enviado em: 11 de fevereiro de 2019

Justiça

Publicidade